quinta-feira, 2 de junho de 2016

O que pregar no funeral quando você não conhece o falecido?



Eu já realizei muitos funerais. A maioria esmagadora deles de pessoas que eu não conhecia. Isso resulta em muitos desafios, mas o maior é como você fala sobre a alma de uma pessoa que você nunca conheceu? Em cada um desses cenários, eu dei atenção ao melhor conselho que já recebi para realizar um funeral, especialmente daqueles que eu não conhecia.
Não pregue dizendo que ele foi para o céu, não pregue dizendo que ele foi para o inferno, apenas pregue o evangelho para as pessoas que estão ali.
O culto fúnebre não é para o falecido, mas, em última instância, para aqueles que ficaram e estão tentando descobrir uma maneira de lidar com a perda de uma pessoa querida. Nossa tarefa é ajudá-los a lidar com sua perda e nos certificarmos que eles saibam que, à parte de Cristo, não há esperança ao enfrentar o pecado e a morte.
Pastores, não preguem dizendo que a pessoa foi para o céu. Não pregue dizendo que a pessoa foi para o inferno. Nós não estamos em posição de determinar nenhum dos dois. O que sempre podemos fazer é pregar o evangelho para as pessoas que se juntaram ali e estão buscando por respostas e esperança.

Tradução: Fabio Luciano
Revisão: Yago Martins

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Confronte seus medos com a soberania de Deus


“Deus está no controle”. Estas palavras podem ser um conforto maravilhoso para pessoas que lutam contra fobias, medos naturais comuns ou mesmo terrores profundos. O lembrete de que Deus está no controle muitas vezes traz grande alívio.

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

As sutilezas do mundo


Por Rev. Felipe Camargo


Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo (Cl 2.8).

Em “Cartas do inferno”, C. S. Lewis conta uma história fictícia de um Diabo mais velho ensinando seu sobrinho a fazer um cristão se desviar do caminho do Senhor. Na primeira carta o experiente “Tio” avisa que o melhor meio de afastar alguém da igreja e de Deus é usar jargões ou frases bonitas que parecem com verdades, mas que no fundo não passa de mentiras. É exatamente sobre isso que Paulo está preocupado no versículo acima, ou seja, filosofias e vãs sutilezas que afastam os servos de Deus da verdade revelada na Palavra de Deus.

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

A sua vitória vem de onde???


Dinheiro, sucesso e poder, são expressões frágeis e fúteis, que são efêmeros para nos manter de pé e firmes diante das lutas da vida.

A nossa força e inteligência não são o suficiente para nos garantir vitória.

O pensamento positivo que vem de dentro não basta, precisamos da ajuda que vem do alto.

É de Deus que vem o poder para caminharmos sobre as águas revoltas do mar da vida.

Mas de onde vem a tua vitória?? Não vem da psicologia de auto ajuda. Não vem da meditação transcendental nem tão pouco de rituais religiosos.

A tua vitória vem do auto, vem de Deus!!!

Tudo de bom que recebemos e tudo o que é perfeito vêm do céu, vêm de Deus, o Criador das luzes do céu. (tiago 1:17)

Ponha a sua vida nas mãos do Senhor, confie nele, e ele o ajudará. (Sl 37:5)

Deus abençoe a todos!!!!



quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Reflexão Gênesis 35:18







O que você tem feito com os resultados amargos da tua vida?

Raquel ao dar a luz, antes de sua morte pôs o nome em seu filho de BENONI (filho da minha dor/ da minha tristeza). Seu pai Jacó mesmo triste com a morte de sua mãe, mudou o nome do seu filho para BENJAMIM (filho da mão direita/filho da felicidade).


Jacó aprendeu que através da nossa Fé em Deus, encontramos ânimos para sair da tristeza e dos momentos de extrema dor.


Precisamos aprender a sermos gratos com tudo que Deus tem nos dado. E entregarmos tudo em suas mãos as circunstancias desfavoráveis. 


A lamentação produz, angustia, desanimo, dor, depressão, etc.


Mas aqueles que sabem ser gratos olham o futuro com uma perspectiva. Olha para o futuro como um grande presente de Deus.


Vamos aprender a transformar os nossos BENONI´S EM BENJAMIM´S. E saber descansar Naquele que tem cuidados de todos os que NEle confiam.


Gênesis 35:18


sexta-feira, 22 de maio de 2015

A receita para o discernimento, parte 2



O discernimento não é construída automaticamente para a vida dos cristãos. A capacidade de dividir com sabedoria a verdade do erro é algo que deve ser perseguido e desenvolvido como parte do processo de santificação. Como vimos da última vez, a receita bíblica para o discernimento começa com oração fervorosa e desejo sincero. Ambos os são fundamentais, mas não o suficiente por conta própria. Um terceiro ingrediente vital no desenvolvimento de discernimento bíblico é a obediência à verdade.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Salmos 150:6


Cantares 6:3


segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

A Verdade Sobre a Compatibilidade Conjugal



No que se refere à compatibilidade, eu e minha esposa somos muito diferentes.
Quando meu filho mais velho estava com três anos de idade, fui passear de carro com ele pela cidade. Um semáforo levou-o a me perguntar o que significava a luz amarela. "Filho", comecei a responder com minha sábia voz paternal, "uma luz amarela significa que precisamos ter cautela".

Confrontando com Amor



Toda vez que eu leio os evangelhos, fico impressionado com o fato de como Jesus parecia encontrar-se em meio a uma controvérsia onde quer que ele fosse. Também fico impressionado com a forma como Jesus lidava com cada controvérsia de maneira diferente. Ele não seguia o exemplo de Leo “The Lip” DeRosier, o ex-gerente do New York Giants, tratando cada pessoa que ele encontrava da mesma maneira. Embora ele esperasse que todos “jogassem pelas mesmas regras”, ele pastoreava as pessoas de acordo com as necessidades específicas delas.

quinta-feira, 6 de novembro de 2014


domingo, 5 de outubro de 2014

O relativismo destrói a família!



A homossexualidade não é o desenho original de Deus para a raça humana e não ajuda no desenvolvimento da humanidade" - Tim Keller

Vejam neste vídeo a tática dos ateus e liberais, na tentativa de redefinir o que família significa. O que está por trás deste debate? Primeiro, eles ridicularizam quem não aprova a homossexualidade e afirmam que tudo deve ser resumido ao amor. O relativismo se torna a "regra absoluta". De acordo com eles, o propósito do casamento e da vida humana se resume somente em "tentar ser feliz". A regra deles é simples, se Deus ou o sagrado está te impedindo de "ser feliz", então, remova a ideia de Deus da sua vida. Neste modelo, o individualismo se torna a força motriz de uma sociedade.